Salário-família

Este serviço é devido ao empregado de baixa renda, incluindo o doméstico, e ao trabalhador avulso, conforme a quantidade de filhos ou equiparados que o segurado possui.

O salário-família é um benefício do empregado de baixa renda e do trabalhador avulso, porém, os filhos com mais de 14 anos de idade não tem este direito, a não ser os inválidos, que não possuem limite de idade. Para conseguir o direito de receber o salário-família, a pessoa precisa estar de acordo com o limite máximo de renda, o qual é definido pelo governo do país.

Este benefício deve ser solicitado diretamente para o empregador. Já quem é trabalhador avulso, deve solicitar o serviço ao sindicato ou órgão gestor de mão-de-obra ao qual é ligado. Porém, se os trabalhadores estiverem recebendo aposentadoria por invalidez, aposentadoria por idade rural ou auxílio-doença, o requerimento do salário-família deve ser feito no INSS.

O cidadão que for solicitar o salário-família deve apresentar os seguintes documentos: documento de identificação com foto; CPF; termo de responsabilidade; certidão de nascimento dos dependentes; caderneta de vacinação de dependentes até 6 anos de idade; comprovação de frequência escolar de dependentes de 7 a 14 anos; e requerimento de salário-família. Depois do benefício concedido, a cada seis meses, em maio e novembro, deverá ser apresentada a comprovação de frequência escolar, e a carteira de vacinação deverá ser apresentada uma vez por ano.



Ficou alguma dúvida?
Em caso de dúvidas, ligue para a Central de Atendimento do INSS pelo telefone 135.
O serviço está disponível de segunda a sábado, das 7h às 22h (horário de Brasília).

Precisa de uma assessoria sobre assuntos relacionados ao INSS?
Somos especializados em consultoria e assessoria previdenciária, tendo uma vasta experiência em soluções previdenciárias junto ao INSS, Regime Próprio e Previdência Privada. Saiba mais